« Voltar
Sem categoria

Cidade em obras

CONSTRUÇÃO NA VIZINHANÇA: PROBLEMAS OU SOLUÇÕES?


Com o elevado PIB e a proximidade com a capital do estado, Guarulhos é uma das cidades que mais atraem o interesse de construtoras e incorporadoras. Garantia de bons retornos para investimentos imobiliários, mas e para os moradores vizinhos das obras?
Não é uma tarefa fácil planejar e executar um empreendimento imobiliário. Para entregar um condomínio residencial em ordem, são necessários muito tempo, investimento e mão de obra. São centenas de trabalhadores, uma papelada incontável de normas e projetos e milhares de horas de trabalho. Tudo para que os futuros moradores possam viver com conforto e segurança em seus apartamentos.
Morar ao lado de uma obra também é desafiador. Em média, um condomínio com três torres residenciais leva entre 3 e 4 anos para ser concluído. Durante o período de construção, a região é frequentada por máquinas e caminhões e as vias são obstruídas para constantes melhorias na infraestrutura. Por todo o esforço coletivo em prol de um condomínio em gestação, os vizinhos também são partes interessadas no sucesso e na conclusão da obra.
A relação entre a construção e a vizinhança é, portanto, uma parceria. Se você é vizinho de um empreendimento em construção, saiba que o retorno de um empreendimento bem executado também lhe interessa. Procurer construir uma boa relação com a equipe responsável pela obra. Busque sempre informações oficiais diretamente com a construtora.
Ciente da importância de sua atuação para a cidade e para os cidadãos guarulhenses, a Vegus sempre planeja seus empreendimentos imobiliários de modo a integrar a obra ao bairro em que ele está sendo executada. O canal de relacionamento da construtora está sempre aberto para clientes e vizinhos e a construtora disponibiliza uma equipe de engenheiros de prontidão para atender as solicitações referentes a obra.
Além de melhorias para a rua e para o quarteirão, novos condomínios trazem valorização para a região. Mais segurança e mais iluminação para a rua, também melhorando o movimento e trazendo comércio e oferta de serviços. No final da obra, seu imóvel, mesmo sendo apenas vizinho ao condomínio, pode ter o metro quadrado valorizado. É um dos melhores exemplos de uma relação “ganha-ganha”.

« Voltar

Newsletter